Search
  • Luiz Antonio Solda

Você conhece a família Thimpor?


Rutildo Thimpor

Sempre foi um sujeito pacato, até o dia em que foi agredido por duas pizzas numa esquina escura de Milão. É a ovelha negra da família, principalmente quando está vestido de preto e pastando silenciosamente nos jardins de Tia Gertrudes. Na época da tosquia ele foge para Turim e só reaparece meses depois, sem dinheiro e com uma estranha cãibra na perna esquerda. Jamais confia em quem está e dificuldades e, como toda a família, desconfia até da própria sombra. Rutildo é o responsável pelo desaparecimento do primo Eustáquio, enviado misteriosamente para a Ásia como representante do time de boxa local.


Yuri Thimpor de Souza

O playboy da família. Causa furor na cidade quando resolve desfilar de biga, completamente embriagado. A fortuna dos Thimpor está nas mãos de Yuri, cujo anel está está avaliado em mais de setecentos mil dólares. Nasceu na Rússia, tornou-se mau caráter em Portugal e é preso constantemente em Milão. Apaixonou-se pela filha do fabricante de linguiça calabresa aos 18 anos. Aos 19 desistiu do romance depois de receber três tiros no braço e uma carta ameaçadora dos Trintino, que afirmavam ter conhecimento de Yuri com a Máfia e com o açougueiro Tosco.


Toshiro Thimpor

Proprietário de uma modesta pastelaria em Presidente Prudente, Toshiro tem duas paixões na vida: pastel de carne e pastel de palmito. A família desconfia que ele seja japonês. É treinador do time de beisebol da cidade, onde jogam todos os seus filhos. Não fuma, não bebe e não joga, mas é viciado em haraquiri.


Leonor Thimpor

Ninguém sabe quem é, embora frequentemente seja vista em companhia de Romão Thimpor, o peito de aço. Há indícios de que ela seja esposa de um Thimpor qualquer. Nas fotos da família ela está sempre lá no fundo, arrumando a alça do sutiã.


Pepita Thimpor

Fabricante de suspensórios, amante incansável, Pepita descobriu o significado moral das medidas anticoncepcionais ao ter um coito interrompido em 1962, em virtude de um forte temporal que caiu sobre Palermo que enclausurou seu parceiro de noitada dentro de um tonel de vinho.


Romão Thimpor

Quarto zagueiro, Romão Thimpor, o peito de aço, o único membro da família com tendências futebolísticas. Está sempre correndo atrás da bola. Quando alcançar, não sabe o que vai fazer. Cumpriu pena de 5 anos por ter violentado uma travessa de maionese em praça pública.


Eustáquio Thimpor

Desaparecido.


Genoveva de Pôncio Thimpor

Administradora da boate “Los Thimpor”, Genoveva costuma receber os fregueses mordendo-lhes a orelha. Possui o mais belo par de seios da região e seus lábios carnudos e úmidos são motivos de pancadaria quando ela vai à feira. Genoveva foi quem introduziu o topless na família, apesar dos protestos e das vassouradas da Tia Gertrudes.


Carmem Thimpor

Detesta polenta.


Herman von Thimpor

Cômico inglês que adotou o pseudônimo Herman von Thimpor. Nada consta.


Totó Thimpor

O cão nosso de cada dia. Totó está na família há mais de vinte anos, mas não sabe disso. Quando descobrir, dá o fora imediatamente. Não fossem os transtornos de sua vida sexual, seria um cão de raça. Adora ver televisão, embora não goste que o vejam vendo TV. É um cão cheio de problemas, como todos nós.


Comendador Thimpor

Nome de rua em Barcelona. Não há descrição alguma desse parente, certamente longínquo. A enciclopédia Thimpor & Thimpor, no verbete dedicado ao comendador, afirma ter sido ele o inventor da rua sem saída.


Professor Thimpor

Maníaco com pretensões humorísticas, ou seja, eu.


Gertrudes Thimpor

É minha tia comunista. Meio gagá, mas ainda consegue cantar A Internacional enquanto descasca cebolas para a sopa. Nada mais posso dizer sobre ela, pois se eu não for imediatamente escolher o arroz para o jantar ela me parte os miolos.



8 views